Como equipar sua propriedade com dispositivos e kits de segurança e elaborar planos de emergência

Atualizado 16 horas atrás | 5 min. de leitura
Salvar

A segurança dos seus hóspedes, e a sua, é algo que levamos muito a sério – e gostaríamos que você fizesse o mesmo. Por isso, criamos este guia para te ajudar a lidar, proativamente, com questões de segurança dos hóspedes. Assim, você pode garantir a proteção de sua propriedade e se preparar para emergências. Além de planejar a segurança, recomendamos que você analise algumas opções de proteção para sua propriedade. 

Essas dicas de segurança são direcionadas a casas, apartamentos e aluguéis de temporada, já que podem ter regras e regulamentos diferentes de hotéis e hostels. Independentemente da legislação local destacar essas questões ou não, recomendamos que você entenda suas responsabilidades legais como anfitrião. Você deve ter certeza de que está oferecendo a experiência mais segura possível aos hóspedes para que eles possam aproveitar a estadia. Eles devem saber que você estará disponível para conectá-los com equipes locais no caso de uma emergência. 

Preparar-se para o inesperado é essencial, e revisar os recursos de segurança da sua propriedade vai levar poucos minutos. Sua preparação e cuidado podem fazer uma diferença drástica na vida de alguém. Cada casa é diferente. No entanto, indicamos alguns dispositivos básicos de segurança que cada propriedade deve ter. Recomendamos proatividade com os hóspedes. Não deixe de informar sobre cada medida e dispositivo de segurança que você oferece. 


O que você encontra neste artigo

  1. Detectores de fumaça
  2. Detectores de monóxido de carbono
  3. Extintores de incêndio
  4. Escadas de emergência e planos de emergência
  5. Recursos de emergência
  6. Kit de primeiros socorros
  7. Cartão de segurança

Detectores de fumaça

As leis de prevenção contra incêndio variam muito de um lugar para outro. Portanto, familiarize-se com a regulamentação local. Recomendamos a instalação de pelo menos um detector de fumaça em cada andar da casa e um dentro (ou logo na saída) de cada quarto. Teste-os pelo menos uma vez por mês e troque as baterias regularmente.


Detectores de monóxido de carbono

O monóxido de carbono é um gás sem cor, gosto ou cheiro, e pode levar à morte se inalado por muito tempo. Esse gás é produzido por aparelhos que queimam combustível, como fornos, fogões, aquecedores ou itens que podem não estar funcionando corretamente. Esses detectores podem ser colocados em qualquer lugar, mas você deve instalar pelo menos um em todos os ambientes com aparelhos à base de combustível. Você deve testar as baterias deles uma vez por mês e trocá-las regularmente. Esses detectores devem ser substituídos a cada 5 a 7 anos. Você pode encontrar dispositivos que unem as funções do detector de fumaça e de monóxido de carbono.


Extintores de incêndio

Você deve ter pelo menos um extintor de incêndio na sua casa. Ele deve estar claramente exposto e o acesso a ele deve ser fácil. Existem diferentes tipos de extintores para cada tipo de incêndio. Por isso, preste atenção na classe do extintor antes de comprá-lo. Muitos incêndios residenciais começam na cozinha. Por isso considere deixar um extintor ao lado do fogão. Quer ir além? Você pode comprar extintores de incêndio em formato aerossol, que são mais baratos e complementam os extintores comuns.

Como informar os hóspedes sobre os dispositivos de segurança disponíveis?

  • Indique a presença de dispositivos de segurança na extranet. Acesse a seção Instalações e serviços, na aba Propriedade
  • Mostre a localização dos dispositivos de segurança para os hóspedes durante o check-in
  • Inclua essas informações em um cartão de segurança para os hóspedes
  • Recomende que os hóspedes informem a você sobre qualquer ruído ou luzes piscando no dispositivo – alarmes falsos podem indicar bateria fraca ou um aparelho com defeito

Escadas de emergência e planos de emergência

Nem todas as casas precisam de uma escada de emergência. No entanto, se a sua propriedade tem mais de um andar, você deve ter um plano de emergência para a evacuação dos andares superiores. Considere desenhar um mapa com uma rota de fuga ou indicar passos detalhados que os hóspedes devem tomar em caso de emergência. 


Recursos de emergência

É impossível prever todas as emergências, mas você pode garantir que seus hóspedes estejam preparados para o inesperado. Basta fornecer um kit de primeiros socorros bem equipado e um cartão de segurança que indique todos os números de emergência e procedimentos que devem ser seguidos nesses casos. Se a sua localização geográfica está sujeita a um tipo específico de emergência (como inundações, incêndios florestais ou terremotos), seus hóspedes vão agradecer a presença de um kit de sobrevivência, além de orientações sobre como devem responder a essas situações.


Kit de primeiros socorros

É possível encontrar muitos kits de primeiros socorros prontos e com o essencial para que seus hóspedes lidem com pequenos cortes e ferimentos. Se quiser montar seu próprio kit, a Cruz Vermelha sugere que você inclua:

  • 2 compressas absorventes
  • 25 curativos adesivos de tamanhos variados
  • 1 rolo de esparadrapo
  • 5 sachês de pomada antibiótica
  • 5 lenços umedecidos antissépticos
  • 2 embalagens de aspirina
  • 1 cobertor de emergência
  • 1 máscara de RCP com válvula unidirecional
  • 1 compressa fria instantânea
  • 2 pares de luvas sem látex
  • 2 sachês de pomada de hidrocortisona 
  • 2 rolos de atadura variados
  • 5 compressas de gaze estéril 
  • Termômetro oral 
  • 2 bandagens triangulares 
  • Pinça
  • Manual de primeiros socorros em caso de emergência

Os hóspedes vão apreciar sua gentileza se você incluir itens adicionais, como antiácidos ou laxantes. Considere adicionar itens que, além de ajudar a aliviar o desconforto de um ferimento ou doença, estejam disponíveis para compra sem prescrição médica e também possam ser usados por crianças. Ninguém gosta de interromper as férias para cuidar de um corte ou torção. Ter um bom kit de primeiros socorros pode ajudar bastante em casos de emergência.


Cartão de segurança

Se algo der errado, os hóspedes precisam contar com mais do que apenas o seu número de telefone. Recomendamos que você crie um cartão de segurança com todas as informações em um só lugar. Você pode plastificar esse cartão e deixá-lo em um lugar visível. 

O que colocar no cartão de segurança:

  • O endereço oficial da sua propriedade
  • A localização dos detectores de fumaça 
  • A localização dos extintores de incêndio
  • A localização do kit de primeiros socorros
  • Instruções para o desligamento manual da água/gás/eletricidade
  • Instruções detalhadas para saída de emergência 
  • Uma lista de contatos com telefones de emergência da polícia, do corpo de bombeiros e de um hospital, além do seu próprio número de contato e um número alternativo caso não seja possível falar com você

Como informar os hóspedes sobre recursos de emergência e segurança?

  • Mostre a localização dos recursos de emergência para os hóspedes durante o check-in
  • Inclua a localização do kit de primeiros socorros no cartão de segurança para os hóspedes
  • Incentive os hóspedes a te informarem diretamente caso sofram um acidente. Dessa forma, você pode ajudá-los se necessário

Esse artigo foi útil?