Updated Há 9 meses
Guardar
Quatro benefícios em definir a sua estratégia
  1. Pode direcionar melhor os seus esforços de sustentabilidade para ter mais impacto – Depois de começar a reunir dados sobre o impacto do seu negócio – seja ambiental ou social – terá uma ideia mais clara sobre como pode alterá-lo. Quando o Hotel Breeze foi inaugurado, comprometeu-se a tornar-se o primeiro hotel energia-zero do mundo, utilizando medidas exclusivas, como um sistema de chuveiro que reduz o consumo de água e de energia em até 80%.  
  2. Pode identificar oportunidades de economia de custos– Definir o seu ponto de partida fornece-lhe uma visão sobre o uso dos seus recursos. Com o tempo, esses dados permitem-lhe ver onde pode economizar em custos operacionais. Ter uma visão sobre o uso de energia permitiu que, por exemplo, as empresas de hospitalidade fossem capazes de identificar onde implementar controlos de iluminação e lâmpadas eficientes e cortar custos de energia de iluminação em até 50%. Medir o desperdício de alimentos permitiu ao Einstein St. Gallen identificar e cortar 41% dos seus desperdícios de alimentos evitáveis, o que levou a uma economia de CHf28 000 num ano. Por outro lado, o valor potencial de redução do plástico depende do item em questão. Desta forma, é importante saber como é a análise do uso de plástico.  
  3. Isso torna tangível o seu compromisso com a sustentabilidade – Uma coisa é falar sobre como gerir o seu negócio de forma sustentável e outra é poder prová-lo. Definir a sua estratégia e acompanhar o seu progresso fornece dados concretos sobre o impacto que os seus esforços de sustentabilidade estão a ter nos seus negócios e na sua área. Grupos como Scandic Hotels, Radisson e NH, produzem, por exemplo, relatórios anuais que demonstram com credibilidade o seu compromisso com a sustentabilidade.  
  4. Irá fortalecer a sua notoriedade e aumentar o interesse dos clientes – De acordo com a Global Business Travel Association, 53% das empresas norte-americanas têm programas de sustentabilidade corporativa que afetam a forma como escolhem os seus fornecedores de viagens. Depois de definir o seu ponto de partida e começar a medir as mudanças, pode comunicar o seu progresso através de relatórios e material de marketing para atrair clientes que se preocupam com a sustentabilidade. 

O primeiro passo no seu percurso de sustentabilidade deve ser definir o seu ponto de partida. Este deve passar por medir o seu impacto atual no meio ambiente. Tem em consideração coisas como água e eletricidade, mas também o uso de plástico e as emissões de carbono.

Definir o seu ponto de partida é importante, uma vez que se torna difícil saber para onde queremos ir se não soubermos onde nos encontramos atualmente. Talvez a sua conta de serviços públicos seja o dobro do que precisa ser. Talvez já esteja a usar as melhores práticas quando se trata de redução de plástico. Talvez haja uma forma melhor de incentivar os clientes a reduzirem o desperdício nos seus quartos.

Poderá estar a gerir um bungalow à beira-mar ou um franchise de uma multinacional hoteleira. Não importa o tipo de propriedade, há muito a ganhar ao definir o ponto de partida para se tornar mais sustentável – quer do ponto de vista ambiental e social, quer financeiro.

Veja o caso da Hilton, por exemplo, que começou a medir e a monitorizar o impacto ambiental em 2008 utilizando o LightStay, a sua própria plataforma de gestão de sustentabilidade. Assim que o grupo definiu a sua estratégia e começou a monitorizar as mudanças, foi possível identificar onde poderia estar a causar um maior impacto. Entre 2008 e 2018, reduziu o uso de energia em todo o portefólio em 22%, a intensidade da água em 22% e a intensidade das emissões de carbono em 34%. Foram gerados dados que permitiram que a Hilton economizasse 29 milhões de dólares em custos de serviços públicos – e isso foi apenas passado 1 ano.

Nesta secção, abordaremos os benefícios de definir o seu ponto de partida. Também veremos as ferramentas disponíveis para medir e monitorizar as duas partes principais do seu impacto ambiental: a sua pegada de carbono e o uso de água.

Como definir o seu ponto de partida

Comece com os maiores contribuidores  

De acordo com a Sustainable Hospitality Alliance, os três fatores mais importantes que determinam a pegada ambiental de uma propriedade são a iluminação, a água quente e o ar condicionado/aquecimento. É por isso que medir a sua pegada de carbono e o uso de água é um bom ponto de partida para definir a sua estratégia. Existem recursos on-line gratuitos para ajudar a que comece imediatamente.

  • Medir as suas emissões de carbono – A ferramenta Hotel Carbon Measurement Initiative ajuda a medir a sua pegada de carbono total e por quarto ocupado, levando em consideração as diferentes fontes de energia de forma a ajudar a priorizar mudanças acionáveis.  
  • Medir o seu uso de água – A ferramenta Hotel Water Measurement Initiative descreve os dados de que precisa para calcular a sua pegada hídrica total, fornecendo uma metodologia para calcular a água usada por quarto ocupado por noite (ou espaço de reunião por hora, quando aplicável).   

Compare a sua propriedade

Após definir o seu ponto de partida, pode ter uma ideia mais ampla do seu desempenho ambiental comparando a sua propriedade com outras. Os principais recursos para fazê-lo incluem:  

  • O Cornell Sustainability Benchmark – usa o maior conjunto de dados disponível, proveniente de mais de 15 000 propriedades que usam o HCMI e HWMI. Monitoriza a energia, emissões de gases de efeito estufa e o uso de água.  
  • O The Green Lodging Trends Report – usa as melhores práticas em vez de dados concretos para reconhecer e destacar medidas inovadoras que podem beneficiar a indústria.

Comece a definir metas

Depois de reunir alguns dados iniciais, pode começar a pensar sobre como definir objetivos específicos. A Sustainable Hospitality Alliance definiu metas de sustentabilidade baseadas na ciência para a indústria hoteleira cumprir até 2030. Estes estão alinhados com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas (ODS) e o Acordo Climático COP21 de Paris. Também oferecem orientação sobre como definir metas para a água, gerir o uso da mesma e trabalhar com a sua cadeia de abastecimento.

Outros recursos úteis são o Destination Water Risk Index – que pode ajudar a compreender qual é o seu risco de água e definir metas e medidas adequadas – e a iniciativa Global Compact da ONU,Science Based Targets, que possui recursos relativamente à ação climática corporativa.

Descubra os nossos outros guias de sustentabilidade:

 

Image
plastic in water

Reduzir o consumo de plástico

Agora é mais fácil do que nunca gerir a sua propriedade sem plástico – e nunca foi tão importante. O plástico demora anos a decompor, prejudica a vida selvagem e danifica o ambiente. Este guia irá mostrar-lhe como proteger ambos ao reduzir o seu consumo de plástico.

Como posso começar?

Image
water

Reduzir o consumo de água

A água está a tornar-se cada vez mais escassa. É por isso que temos de começar já a cortar o consumo de água – e vai ser preciso mais do que apenas pedir aos clientes para reutilizar as toalhas. Mas as vantagens ambientais e financeiras valem o investimento.

Saiba mais

Image
Meeting

Possuir uma certificação ambiental

A certificação mostra ao mundo o seu compromisso com a sustentabilidade. As distinções dão crédito aos seus esforços e ajudam a atrair clientes mais ecológicos, mas o processo em si é ainda mais valioso – ajuda na definição de prioridades para o seu negócio e a preencher lacunas nos seus planos de sustentabilidade.

Saiba mais

Considera este artigo útil?