Reduzir o consumo de energia e utilizar energia verde

O aquecimento acelerado do planeta – e o impacto resultante na ecologia e na economia – torna as fontes de energia e a eficiência nas principais prioridades da sustentabilidade. Mas reduzir o consumo de energia e mudar as suas necessidades de energia restantes para fontes renováveis não beneficia apenas o planeta. Também pode reduzir os seus custos operacionais.

Atualizado Há 8 meses
Guardar

À medida que as populações e as economias crescem, também aumenta a procura por energia. Infelizmente, essa energia ainda é fornecida principalmente por fontes não renováveis, como os combustíveis fósseis. Além de ser uma fonte que acabará por se esgotar, os combustíveis fósseis também produzem uma quantidade substancial de emissões de gases de efeito estufa (GEE), que retêm o calor na atmosfera e aceleram o aquecimento do planeta. Já estamos a ver o impacto negativo que esse processo está a ter nos padrões climáticos e na biodiversidade.

Compreensivelmente, o sector hoteleiro consome uma quantidade de energia significativa, sendo a regulação da temperatura ambiente e a iluminação os dois maiores consumidores. E, como resultado, contribui significativamente para as emissões de GEE – entre 160 e 200 kg de CO2 por metro quadrado de área útil. Por essas razões, o consumo de energia deve ser uma consideração crucial no seu percurso para se tornar mais sustentável.

Felizmente, existem muitas oportunidades para poupar energia. Uma parte significativa do consumo de energia de um hotel vem de perdas e desperdícios desnecessários, portanto, fazer algumas alterações pode ajudar a aumentar rapidamente a eficiência e reduzir os custos.

Nesta secção, veremos os benefícios de reduzir o consumo de energia, tanto para o seu negócio como para o meio ambiente. Também abordaremos algumas das diferentes medidas que pode tomar para reduzir o consumo e melhorar a sustentabilidade do seu negócio.

Quatro benefícios de reduzir o seu consumo de energia

 

1. Vai reduzir os custos  

As potenciais poupanças com a redução do consumo de energia são significativas. Análises a hotéis europeus descobriram potenciais poupanças de energia de até 20% no aquecimento, 30% no arrefecimento, 70% na água quente e 60% na iluminação. Isso traduz-se em poupanças notáveis nos custos operacionais. Como um exemplo prático, depois de instalar um sistema de gestão de energia inteligente, os custos anuais de eletricidade nos quartos desceram 39% no Galt House Hotel – o que reduziu os seus custos operacionais em mais de USD 100 000.  

2. Vai diminuir a sua pegada de carbono  

Usar menos energia significa produzir menos resíduos, e isso significa que a sua pegada ambiental diminui. Se a sua fonte de energia for um combustível fóssil, reduzir o consumo também significa menos emissões de GEE. O Host Hotels & Resorts, por exemplo, reduziu as suas emissões de GEE em cerca de 35% por metro quadrado através de uma série de iniciativas de poupança de energia, incluindo sistemas de automação dos edifícios, instalação de iluminação LED, melhorias nos sistemas de ventilação e investimentos em energias renováveis.  

3. Os sistemas de energia inteligente melhoram o conforto dos hóspedes e dos funcionários  

Existem muitas soluções tecnológicas avançadas para melhorar a eficiência energética, a maioria das quais centrada na automação. Além de reduzir o consumo de energia, essas tecnologias também podem melhorar o conforto dos hóspedes e simplificar o trabalho dos seus funcionários. Os controlos automáticos de energia desligam dispositivos elétricos sempre que uma sala está vazia, o que evita que os seus funcionários tenham de fazer isso manualmente. Os sistemas de automação de edifícios, por outro lado, controlam o aquecimento, a ventilação e o ar condicionado fazendo ajustes automáticos em resposta à humidade ou pressão do ar. Esses sistemas melhoram o conforto dos hóspedes, mantendo um clima interior confortável.

4. A energia renovável prepara o seu negócio para o futuro  

Os combustíveis fósseis não são apenas uma fonte de energia que contribuem para o aquecimento do planeta – são também um recurso finito que um dia esgotarão. À medida que os sectores público e privado em todo o mundo reconhecem este facto, estão a ser feitos cada vez mais investimentos em fontes de energia renováveis como a eólica e a solar. Da mesma forma, pode preparar a sua propriedade para o futuro reduzindo a sua dependência dos combustíveis fósseis e mudando para fontes de energia renováveis.

Image
solar panels
Como reduzir o seu consumo de energia

 

Analise o seu consumo de energia

O primeiro passo para gerir o seu consumo de energia é medi-lo. A sua principal fonte de dados serão as suas contas de energia. Os contadores podem fornecer uma imagem mais detalhada do uso de energia por área/departamento. Medir o seu consumo de energia base e acompanhar a sua evolução ao longo do tempo irá oferecer-lhe uma visão mais ampla do seu consumo. Também será capaz de identificar oportunidades para poupar energia e, posteriormente, avaliar a eficácia de quaisquer medidas que tomar.

Pergunte ao seu fornecedor de energia se pode fornecer-lhe um painel para medir e monitorizar o seu consumo de energia. Caso contrário, use os dados que recolheu para comparar o desempenho energético da sua propriedade com os padrões do sector e ver o quão eficiente é. Pode usar a metodologia e ferramenta gratuita da Hotel Carbon Measurement Initiative (HCMI) para calcular a pegada de carbono das noites e reuniões na sua propriedade. Certifique-se de ajustar as suas medições para fatores como clima, para que faça uma comparação correta entre propriedades que têm comodidades diferentes e estão expostas a padrões climáticos diferentes. 

Mude para iluminação com baixo consumo de energia

As lâmpadas incandescentes e halógenas, que são as mais comumente usadas em hotéis, são altamente ineficientes em termos de energia – apenas 20% da energia é realmente convertida em luz, os 80% restantes são perdidos como calor.

Ao mudar para uma iluminação mais eficiente – como lâmpadas fluorescentes compactas (CFL), lâmpadas fluorescentes tubulares ou diodos emissores de luz (LED) – pode reduzir o uso de energia em até 70%. Além de reduzir o consumo de energia, as lâmpadas fluorescentes compactas produzem menos calor – o que pode diminuir o uso de ar condicionado e reduzir ainda mais o uso de energia – enquanto as lâmpadas LED duram até três vezes mais do que as lâmpadas fluorescentes e são fáceis de reciclar *.

* Algumas lâmpadas contêm materiais perigosos como o mercúrio, por isso é importante reciclá-las em vez de as colocar no lixo normal, onde podem acabar em aterros sanitários.  

Implemente controlos vinculados à ocupação

A maioria das pessoas comporta-se de maneira diferente nos hotéis e nas suas próprias casas. Esquecer de desligar as luzes é exemplo disso. Com o controlo de iluminação vinculado à ocupação, as luzes só são ligadas nas áreas ocupadas ou em uso. Existem vários controlos vinculados à ocupação que podem ser usados para diferentes cenários:

  • Cartões-chave – um sistema de cartão-chave que desliga o fornecimento de eletricidade de um quarto quando não está ocupado. Os hóspedes simplesmente inserem o cartão-chave num dispositivo montado na parede quando entram e a eletricidade é ligada. Ao retirar o cartão e sair do quarto, a eletricidade é desligada automaticamente.

Mudar para sistemas de cartão-chave e controlos de energia pode reduzir o uso de eletricidade no quarto em até 30%. No entanto, esses sistemas têm o potencial de criar resíduos significativos. Um hotel típico com 200 quartos precisa de substituir cerca de 12 000 cartões plásticos por ano. Para evitar resíduos de plástico adicionais, considere o uso de cartões-chave ecológicos. Existem várias opções disponíveis, incluindo cartões feitos de plástico reciclado, plástico biodegradável e até mesmo de papel.  

  • Temporizadores de iluminação – pode configurar temporizadores para ligar ou desligar as luzes em horários predefinidos todos os dias. Podem ser usados em áreas ocupadas durante o mesmo horário todos os dias, como restaurantes ou salas de conferências/reuniões.  
  • Sensores de movimento – os sensores de movimento ligam as luzes quando o movimento é detetado e desligam-nas após um período predefinido de inatividade. Eles são úteis em áreas onde a atividade é pouco frequente – como casas de banho em áreas públicas – e podem poupar até 60% do uso de energia de uma sala.  
  • Controlo de fotocélula – um interruptor de fotocélula deteta quando há luz natural suficiente e responde diminuindo ou desligando as luzes. Existem diferentes tipos disponíveis, dependendo do tamanho da área que deseja iluminar.

Adote um sistema inteligente de gestão da temperatura

Ajustar as configurações do termostato em apenas alguns graus pode gerar uma enorme poupança de energia. Baixar o termostato em 1 ºC no inverno pode reduzir o consumo de energia de aquecimento em 10% – podem ser alcançadas poupanças semelhantes com o ar condicionado no verão. Pode automatizar esse processo integrando a tecnologia de deteção de movimento e calor num termostato de gestão da energia, que reduz automaticamente a temperatura de uma sala quando está vazia.  

Torne a sua energia mais ecológica

Uma das ações com maior impacto que pode realizar em termos de sustentabilidade é usar fontes de energia renováveis. Fazer a mudança reduzirá drasticamente as suas emissões operacionais e – o mais importante – quando feita de forma adequada, aumentará a procura por energia renovável na sua área. Por sua vez, isto estimula a adição de novas energias renováveis à rede elétrica local, o que é crucial porque o fornecimento atual de energia renovável não atende à procura global por energia. Em última análise, atendendo a essa procura, será possível eliminar a energia de combustíveis fósseis.

Infelizmente, existem muitos fornecedores de energia que afirmam que a sua energia é limpa e renovável quando não o é. Portanto, há algumas coisas a ter em mente ao escolher fontes de energia renováveis para garantir que são realmente sustentáveis e contribuem para um mundo livre de combustíveis fósseis:  

  • Sempre que possível, opte por fontes de energia renováveis que são instaladas no local. Estas têm um maior impacto positivo e garantem que uma nova energia limpa será adicionada à rede. Os exemplos mais comuns são os painéis solares.  
  • Se a instalação no local não for possível, a melhor alternativa seguinte é a energia renovável que seja gerada localmente e vendida diretamente ao consumidor. A melhor abordagem é encontrar novos programas renováveis criados localmente. Ao investir em energia renovável, esteja ciente de que os certificados de energia renovável (RECs) ou garantias de origem (GOs) do exterior podem não contribuir para o fornecimento adicional de energia renovável.  
  • Em países ou mercados onde não é possível comprar energia 100% renovável, ainda pode contribuir para tornar as suas fontes de energia locais mais ecológicas, ao comprar de empresas que estão a trabalhar arduamente para disponibilizar energia renovável. Classificações independentes de sustentabilidade de fornecedores de energia renovável podem ajudar a entender o impacto que a compra de energia de uma determinada empresa terá, bem como a sustentabilidade geral do produto.
Mostre aos viajantes o que está a fazer

Depois de começar a implementar medidas para tornar a sua energia mais ecológica e reduzir o seu consumo, ou se já tiver algumas implementadas, pode comunicá-lo aos viajantes através da nossa plataforma.

Implementou alguma destas práticas para poupar energia ou reduzir os gases de efeito estufa?

Aluguer de bicicletas
Estacionamento para bicicletas
Estação de carregamento de veículos elétricos
Usa o cartão-chave do quarto ou sensores de movimento para controlar a eletricidade
Todas as janelas da sua propriedade têm vidros duplos
Pelo menos 80% da sua comida é produzida localmente na sua região
Pelo menos 80% da sua iluminação usa lâmpadas LED com baixo consumo de energia
100% de energia renovável é usada em toda a sua propriedade

Descubra os nossos outros guias de sustentabilidade:

 

Image
plastic in water

Reduzir o consumo de plástico

Agora é mais fácil do que nunca gerir a sua propriedade sem plástico – e nunca foi tão importante. O plástico demora anos a decompor-se, prejudica a vida selvagem e danifica o ambiente. Este guia irá mostrar-lhe como proteger ambos ao reduzir o seu consumo de plástico.

Como posso começar?

Image
Apple farm

Reduzir o desperdício alimentar

Cerca de um terço dos alimentos produzidos para consumo humano são perdidos ou desperdiçados. Dado que os alimentos podem representar um custo significativo, a redução do desperdício traduz-se em grandes poupanças e tem um impacto positivo na sua pegada ambiental.

Saiba como

Image
water

Reduzir o consumo de água

A água potável está a tornar-se cada vez mais escassa. É por isso que temos de começar já a cortar o consumo de água – e vai ser preciso mais do que apenas pedir aos clientes para reutilizar as toalhas. Mas as vantagens ambientais e financeiras valem o investimento.

Saiba mais

Considera este artigo útil?