5 actions you can take to make your property more LGBTQ+ friendly

5 passos para tornar a sua propriedade mais acolhedora para a comunidade LGBTQ+

 | Guardar
Obtenha conselhos práticos sobre como tornar a sua propriedade mais acolhedora para a comunidade LGBTQ+ e saiba mais sobre o nosso programa de formação gratuito Travel Proud, desenvolvido pela empresa especializada na comunidade LGBTQ+, HospitableMe.

Tratar todas as pessoas da mesma forma não é o mesmo que tratar todas as pessoas de igual modo. Esta é uma das lições mais importantes do nosso programa Travel Proud. Quando se trata de realmente fazer com que as pessoas LGBTQ+ se sintam bem-vindas na sua propriedade, há várias ações que pode tomar para mostrar que reconhece os desafios adicionais que enfrentam e que pode atender às suas necessidades específicas. 

1. Audite a experiência completa do hóspede

Considere todas as interações que os hóspedes LGBTQ+ provavelmente terão, desde o momento em que examinam a sua página online até à despedida ao deixarem a sua propriedade. Coloque-se no seu lugar e analise todo o percurso. Pense nos seus materiais de marketing. Adotou uma linguagem neutra em termos de género, como “famílias”, “progenitores” e “crianças” em vez de “mães”, “pais”, “filhos” e “filhas”? Casais do mesmo sexo irão sentir-se representados nas suas fotografias? 

Percorra também a experiência de check-in. Por exemplo, todos os membros da equipa estão cientes da identificação não binária? Compreendem a importância da partilha dos pronomes preferenciais? Cada ponto de contacto deve ser considerado. Para fazê-lo de forma mais minuciosa, porque não consultar algumas pessoas LGBTQ+ e pedir-lhes feedback?

2. Tome decisões mais conscientes durante as interações com os hóspedes

Para combater o preconceito implícito que todos temos profundamente enraizado nos nossos cérebros, tome atenção quando certos pensamentos aparecerem — e faça uma pausa. Examine o seu pensamento antes de agir. Ao fazê-lo, interaja com empatia, curiosidade e compreensão. Fundamentalmente, somos todos humanos e os erros acontecem. Peça desculpas por qualquer erro e siga em frente. Mostre que compreende o seu lado e os seus clientes LGBTQ+ certamente irão ajudar a que possa fazer melhor na próxima vez. 

5 actions you can take to make your property more LGBTQ+ friendly

 

3. Pense nas pequenas coisas

Receber os hóspedes com champanhe e sofisticados roupões de banho gratuitos pode fazer com que se sintam ainda mais especiais. No entanto, se, por padrão, estiver a endereçar notas de boas-vindas para “Sr. e Sra.” ou a fornecer roupas bordadas “Dele e Dela”, pode ter o efeito oposto. É essencial ter atenção aos detalhes. Pequenos e subtis sinais de solidariedade, como adicionar os pronomes preferenciais aos crachás dos funcionários, tornar as suas casas de banho públicas neutras em género e promover eventos LGBTQ+ durante todo o ano — não apenas no Mês do Pride — falarão por si. 

Além disso, estas ações inclusivas também beneficiam pessoas fora da comunidade LGBTQ+. A um nível prático, as casas de banho neutras em género facilitam a vida de pais com filhas, mães com filhos e outros cuidadores de pessoas que precisam de assistência extra. E, a nível social, familiarizar mais pessoas com estas práticas contribuirá para um mundo mais tolerante e inclusivo. 

4. Torne-se uma fonte de conhecimento LGBTQ+

Durante anos, o setor de hospitalidade inclinou-se para os interesses de hóspedes heterossexuais cisgénero. Quando falamos em tratar a todas as pessoas de igual forma, os provedores de alojamentos podem ter que de ir mais além para oferecer aos viajantes LGBTQ+ a mesma riqueza de conhecimento local relevante oferecida aos clientes fora desta comunidade. O nosso estudo revelou que 37% das pessoas gostariam de recomendações mais personalizadas para as suas preferências e interesses, enquanto 31% gostaria de informações adicionais sobre a situação LGBTQ+ do destino, incluindo leis locais, sensibilidades religiosas, códigos de vestuário e estatísticas de crimes de ódio.

Há muitos recursos nos quais pode confiar para desenvolver a sua experiência nesta área. O IGLTA fornece todos os tipos de guias de viagem, e falar com os moradores LGBTQ+ revelará muitos pontos de interesse atuais. De acordo com a UNWTO, o mercado de viagens LGBTQ+ continua a crescer e está previsto que inclua 180 milhões de viajantes até 2030, portanto, este estudo será certamente útil.

5. Forme a sua equipa e comunique os seus esforços

Se ainda não tiver uma política de inclusão em vigor, recomendamos que o faça. Isto deve descrever o que se espera quer dos funcionários quer dos clientes, fornecendo-lhes um código de conduta a seguir. A política também deve tornar claras as consequências da discriminação com base na orientação sexual e identidade de género. Após criar, divulgue-a e certifique-se de que todos a entendam. 

Formar a equipa será outro momento decisivo. Capacite a sua equipe ao fornecer as ferramentas de que precisam, para que, se testemunharem um comportamento discriminatório, se sintam confiantes em expor a situação. A formação gratuita sobre Proud Hospitality de Booking.com irá ajudar-lhe a si e à sua equipa a melhor compreender e interagir com a comunidade de viajantes LGBTQ+.

Aumentar a conscientização sobre todas as medidas influentes que está a adotar para que todas as pessoas se sintam bem-vindas e confortáveis na sua propriedade não irá apenas proporcionar tranquilidade apenas aos hóspedes LGBTQ+. Também abre um precedente para que outras pessoas sigam o seu exemplo. Ao compreender melhor como ter uma postura inclusiva para os viajantes LGBTQ+, juntos, podemos fazer grandes mudanças positivas.

 

Travel Proud 1280x900
Inscreva-se na nossa formação gratuita

Participe no nosso programa Travel Proud, liderado pela HospitableMe, e saiba mais sobre como pode tornar a sua propriedade mais acolhedora para os viajantes LGBTQ+. Torne-se Proud Certified com Booking.com.

Registe-se agora

O que acha desta página?

Ponto-chave
  • Para tratar os hóspedes LGBTQ+ da mesma forma, provavelmente precisará aprender mais sobre as suas necessidades exclusivas. A nossa formação Travel Proud dar-lhe-á essas informações importantes
  • Analisar o percurso do cliente desde a chegada até à partida ajudar-lhe-á a ver áreas de melhoria nas quais poderia ter uma postura mais inclusiva..
  • Depois de embarcar no seu trajeto rumo à hospitalidade inclusiva, torne-o público! Diga aos viajantes LGBTQ+ que podem confiar em si — torne-se Proud Certified